Vacina contra dengue: Instituto Butantan procura voluntários para testes

Em conjunto com a Universidade de São Paulo (USP), o Instituto Butantan está recrutando 77 voluntários para dar prosseguimento à segunda etapa do processo de liberação da vacina contra dengue. Para esta fase dos ensaios, a instituição dará preferência a pessoas que já contraíram a doença em algum momento. Confira os requisitos para ser um voluntário.

Quem pode ser voluntário do Instituto Butantan

instituto-butantan-voluntarios-vacina-dengue

  • Homens e mulheres;
  • Idade entre 18 e 59 anos;
  • Ter disponibilidade para fazer o acompanhamento nos centros de pesquisa de São Paulo pelo período de 5 anos;
  • Não estar grávida.

Os testes para a vacina contra dengue são realizados no Centro de Pesquisas Clínicas do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e também no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Para obter mais informações, é necessário ligar para os telefones (11) 2661-7214/(11) 2661-3344 ou clicar aqui.

Evolução dos testes da vacina contra dengue

O Instituto Butantan já promoveu uma fase preliminar de testes em 173 pessoas e obteve resultados positivos. Os experimentos realizados com apenas uma dose da vacina garantiram a imunização contra quatro tipos do vírus.

Antes mesmo de concluir a segunda etapa, o instituto já solicitou à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) a antecipação da terceira e última fase de estudos da vacina contra a dengue. O cronograma prevê testes em 17 mil pessoas, e deve acelerar a liberação da produção em até dois anos. A previsão é de liberar a vacina para a população a partir de 2016.